sexta-feira, 15 de outubro de 2010

EU COMO COMO VOCÊ?


ELE NÃO:

NÃO sei para vocês, mas para mim a comida se tornou uma fonte de prazer!

Ao longo da minha trajetória, minha relação com a comida foi sofrendo significativas mudanças. Quando era pequeno, comer parecia um método de tortura aplicado pela minha mãe. Horas preso a mesa sendo obrigado a me alimentar com os mais repulsivos legumes e vegetais criados pela mente maquiavélica de Deus.

Só fui descobrir a luxuria gastronômica anos mais tarde, e que descoberta apetitosa!

Que eu saiba não tenho nenhuma ascendência italiana, mas meu paladar é completamente ítalo! Meus pratos prediletos não fogem das massas, molhos e calorias. Pizzas, panquecas, lasanhas, pasteis, ou seja, todos os pratos bem generosos e hipercalóricos que se possa imaginar (inclua fast-foods nessa conta).

Ainda que eu aprecie uma boa refeição, meu cardápio é bastante restrito e contido. Não me permito grandes descobertas fora da minha zona de conforto. Não curto comida chinesa, japonesa, não me aventuro em pratos típicos de outros países, também não me dobro a pratos muito sofisticados. Não suporto macular os sabores com os ordinários ketchups e mostardas que parecem deixar qualquer comida sempre com o mesmo gosto. Nisso tudo sou um chato.

No geral, toda essa comilança seria perfeita senão fosse um estraga prazeres chamado METABOLISMO. Infelizmente a soma dos anos começa a fazer diferença, e o corpo não quer mais acompanhar a boca. A verdade é que é preciso abrir mão de uma boa parte desses prazeres culinários em função da saúde e da boa forma.

Descobri recentemente que legumes e vegetais não são tão repulsivos, afinal Deus não é tão mau assim!

Abro mão das frituras, gorduras, dos excessos, mas por favor não me peçam para abrir mão do chocolate! A essa privação eu não sobreviveria!

 ELA SIM:

SIM, sou uma amante assumida da culinária. Também pudera, eu adoro cozinhar, e os cardápios vão do arroz com feijão até ao suculento Yakissoba.

Comer já não é mais uma questão de sobrevivência, virou uma fonte de prazer. Quanto mais como, mais eu quero comer (até rimou).

Volta e meia me pego mastigando alguma coisa... assistindo ao Jô Soares, novelas, filmes, twittando, Orkutando, blogando, msnzando... Lá está um pacote de bolachas, um saco de pão de sanduíche, uma 'Ala Minuta' e assim só vai. Isso quando eu não invado a sala do João (Ele Não) e furto balas de goma.

Até abro mão dos doces, mas não abro mão das besteiras (xis, pizzas, baurus).

Vejo minhas amigas (algumas) lutando contra a balança, muitas vezes desnecessariamente, e fico tentando imaginar como seria minha vida se eu dependesse de dietas. Certamente entraria numa ‘deprê’. Imagina abdicar de uma feijoada pra dar espaço aos grelhados com salada?! (seria a treva)

Instintivamente as pessoas comem por vontade. A maioria não tem horário fixo pra comer e nem fazem as famosas seis refeições diária, conforme indicam os nutricionistas e endocrinologistas.

O nosso ritmo é sempre acelerado, o almoço é feito na hora do café da tarde e o jantar é desfrutado após as 21h. Certo ou errado os esfomeados e sem tempo não usam regras, apenas saciam o desejo e a fome.

Acreditam que já estou pensando no que comer???

9 comentários:

Davi Helfer disse...

Lendo o texto de vocês, imagino como seria impossível abdicar do bom e velho churrasco do fim de semana. Comer é um de nossos maiores prazeres,certamente os legumes e verduras fazem bem, mas sem um belo prato principal acompanhando, não é nada. Pelo menos pra mim.

Diego Camargo Borba disse...

Eu como você.

Carol X. disse...

Comer é ótimo! Porcarias, então??? mas eu brigo com a balança, e muito! Se eu comece como a Carol (Ela Sim), seria uma obesa...às vezes tenho inveja dela!!!!! hehehe...então corto o que consigo, mas é tão complicado, pq têm muitas coisas que eu detesto! Mas até vale o esforço...assim como o João (Ele Não): não me tirem o chocolate, prefiro morrer! hahaha

Poeta del Cielo disse...

viajando por el mundo de los blog del cual yo participo llegue al tuyo el cual me parecio muy lindo y con lindas letras a leer que te llenan la mirada.. todo muy lindo..
Abrazos
linda semana

Saludos

Permiso para seguirte y te invito a visitarme a
http://poesia-del-cielo.blogspot.com/
desde ya bienvenida

KELLY disse...

SIM, eu como muito!
Só de ler já fiquei com fome! Imaginando um bauru com bastante maionese, um bom churrasco, uma lasanha... deu pra perceber, que meus pratos prediletos são mega calóricos!
Isso pra mim, é um problema diário. Como e depois vem a culpa! Pq eu comi? Não precisava ter comido tanto...
Meu personal me faz tortura psicológica todos os dias. Não pode isso, não pode aquilo...
Definitivamente, não nasci para dieta! Tento controlar a quantidade, mas não consigo deixar de comer estas gostosuras!!!

Mariléa... disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mariléa... disse...

Adoro comer...
Mas como disse o Joao, o tempo é cruel conosco e o metabolismo também...
Acho que comer é algo muito bom, que nós dá prazer, satisfaz, alivia, principalmente quando se fica horas sem comer nada...adoro experimentar pratos diferentes, gosto desde o tradicional até pratos típicos de outros países.
Já experimentei e culinária Àrabe, mas não troco por comida chinesa por exemplo.
Mas como tudo que é demais faz mal, a gente tem é que manerar na hora de sentar a mesa para comer aquela pizza ou aquela lazanha, aquela deliciosa maionese do domingo ao meio dia. Já sobre os doces eu até que sei me controlar, mas não abro mão de um pedacinho de chocolate, uma torta de limão, um mousse de maracujá..uiiiiii que vontade que me deu agora...(risos)
Por isso eu digo para a galera que ainda permanece nos 20 e pouco anos que aproveitem, porque chegando os 30 as coisas mudam e muito...
È preciso comer muito mais frutas e legumas e ainda caprichar na academia, isso se quiser manter o corpo em forma e a saúde em dia.

Bj
Mari

João Pedro disse...

Pra mim, os três maiores prazeres da vida são: comer, fazer sexo e dormir. A vantagem da comida é que tu pode unir com o sexo e o prazer fica ainda maior. Comida ainda vence os outros dois prazeres no quesito: mesmo sozinho, é maravilhoso!!! Mas sei lá, né, acho que gordinho é suspeito pra falar... Então deixo para os demais a palavra... por sinal, hoje é sábado e que falta faz um docinho da ZENA!!! (não podíamos esquecer dela aqui né?)

tcaquines disse...

Cuidado, peixes morre pela boca =P

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...